*posts recentes

* Final do Ano

* Energia Hidráulica

* Enterro da Gata 2006

* Tipos de Água

* Dia da Mãe

* A água não é um bem etern...

* Revolução dos Cravos

* Páscoa Feliz

* Ciclo da Água

* Museu da Água

*arquivos

* Maio 2006

* Abril 2006

* Março 2006

Sexta-feira, 31 de Março de 2006

Tensão Superficial da Água

Tensão Superficial - Quando um líquido está em repouso e em contacto com o ar, as forças de atracção que se exercem entre as moléculas do líquido são diferentes para as que estão à superfície e para as que estão no interior do líquido. No interior do líquido, cada molécula liga-se às restantes por forças iguais em todas as direcções. À superfície, as moléculas são apenas puxadas para o interior líquido, pois não existem moléculas na parte exterior do líquido para exercerem qualquer força, formando-se assim uma espécie de película elástica. A tensão superficial de um líquido é a quantidade de energia requerida para reduzir ao mínimo a sua área superficial.

A água líquida tem uma tensão superficial extremamente elevada, explicada pelas ligações por pontes de hidrogénio que mantêm as moléculas fortemente unidas.

A tensão superficial explica vários fenómenos:

As gotas de água que se observam nas folhas ilustram bem a tensão superficial. As mais pequenas de todas constituem esferas perfeitas. As maiores são ovais, achatadas e as maiores de todas demasiado pesadas para serem sustentadas pela tensão superficial e, por isso, espalham-se.

 

 

publicado por fis às 17:57
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 30 de Março de 2006

...

Densidade - A água líquida é a única substância comum que se expande quando congela. A explicação deste fenómeno advém do tipo de estrutura que a molécula de água apresenta.

No gelo, cada molécula de água está rodeada por outras quatro, formando uma rede cristalina característica. A rede cristalina apresenta grandes espaços hexagonais, que explicam a  baixa densidade do gelo.

A grande maioria das substâncias diminui de volume e, por consequência, aumenta de densidade à medida que a temperatura diminui. A água apresenta uma singularidade bastante rara: sua dilatação é irregular, apresentando um mínimo de volume, portanto um máximo de densidade quando a temperatura é de 4ºC. Por esse motivo o gelo (água sólida) flutua na água líquida.

publicado por fis às 19:06
link do post | comentar | favorito

*Nós!

*pesquisar

 

*Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
22
24
25
26
27
28
29
30
31

*Links

blogs SAPO

*subscrever feeds